Da blogosfera à twitosfera

por jcerca em 16 de Agosto de 2009

Depois de impressionante desenvolvimento da blogosfera, disseminando pelo ciberespaço milhares de páginas pessoais (blogs) sobre os mais diversos temas, mas em que predomina, não só a divulgação e partilha de informação, como também a crítica e, sobretudo, a opinião pessoal, eis que um outro fenómeno está a crescer na internet, captando, em cada dia que passa, milhares de adeptos, a ponto de alguém já ter apelidado este fenómeno de Twitermania.

twitter_bird1

Com um funcionamento extremamente simples e um registo gratuito, os blogs permitem aos seus autores não só a publicação de conteúdos em texto, mas também a disponibilização na internet de imagens, vídeo e áudio o que contribuiu para a sua grande popularidade e disseminação por todo o planeta.

Usados em muitos casos como arma política, os blogs são, cada vez mais, espaços não só de combate político e ideológico, como são também pretexto para qualquer cibernauta poder manifestar a sua cidadania, através da colocação dos seus blogs ao serviço de projectos e causas sociais.


Sem pretender enumerar os vários títulos de bloguistas arouquenses disponíveis no ciberespaço, refira-se que são já numerosos, e com bons conteúdos, os espaços da blogosfera dedicados a Arouca, ou mantidos por arouquenses, contribuindo, muitos deles, para abrir uma janela virtual sobre a realidade arouquense, o que se torna muito apreciado, sobretudo para todos aqueles concidadãos que, por motivos vários, se encontram a trabalhar ou a viver fora de Arouca.

 

twitterInserido na mini-blogosfera e com enormes potencialidades no campo da divulgação, da promoção e da construção da opinião pública, surgiu em 2006 o Twitter que, desde então, não tem parado de crescer, atingindo já largos milhões de utilizadores em todo o mundo.

Integrado nas diversas redes sociais que têm proliferado na internet o Twitter permite em 140 caracteres divulgar, em tempo real, tudo aquilo que se pretenda partilhar ou promover.

Atendendo ao seu potencial e à sua enorme popularidade são numerosas não só as pessoas como também as empresas e organismos diversos que têm vindo a aderir a esta nova rede social, nomeadamente as relacionadas com a comunicação social, sem falar já dos movimentos religiosos, políticos e das diversas forças partidárias.

É indiscutível que as próximas campanhas eleitorais que se aproximam vão aproveitar  este enorme recurso para o seu combate político, o que, aliás, já se está a verificar na comunidade twitter de Arouca.

Com a possibilidade que cada pessoa registada no Twitter tem, de seguir as pessoas que bem entender, ou de ser seguida por milhares de outras pessoas (há já casos, na América, de pessoas com mais de dois  milhões de seguidores) podemos imaginar o poder político e até económico que o Twitter representa, a ponto de já estar na mira de grandes empresas que pretendem rentabilizar economicamente o seu potencial e a sua crescente popularidade.

Sendo um fenómeno ainda bastante recente, mas com um crescimento impressionante (1380% no último ano), tudo nos leva a crer que o fenómeno Twitter ainda vai dar muito que falar no ciberespaço onde chegou em 2006 e onde não tem parado de crescer desde então. Aguardemos, pois por novos e breves desenvolvimentos da Twitermania, a nova tendência na net.

 

José Cerca

Anterior:

Seguinte: