Enquanto nos recordam continuamos vivos!

por jcerca em 2 de Setembro de 2014

A

Jovens ADS e outros amigos da Leonor
evocam-na no 1º mês da sua partida

Há tragédias que marcam as pessoas que não apenas aquelas mais duramente atingidas por elas, como sejam os pais e familiares. A partida da pequena Leonor foi uma delas. Quando se completou um mês que ela partiu fisicamente do nosso convívio, um grupo de pessoas e amigos ligados às diversas actividades em que a Leonor participava, quiseram reunir-se junto à campa onde repousa a parte material da sua breve passagem por esta vida.
Na verdade, quando se nasce, nasce-se para a Eternidade! E a partida da Leonor, foi apenas a mudança de um registo no órgão da Vida: o registo da Eternidade!
Sabemos que ela continua a VIVER, mas numa outra dimensão, diferente daquela que durante 9 anos viveu connosco. E foram belos e ricos momentos  aqueles que partilhou com os seus amigos, desde o grupo dos ADS, dos Pequenos Cantores, dos Bombeiros, da Banda Musical e da própria Escola. Foi por isso que, no passado dia 25 de agosto, alguns desses seus amigos se reuniram junto à sua última morada terrena, no cemitério de Santa Eulália.

A

Mesmo no meio de alguma emoção e de algumas lágrimas de saudade foi bem sentida a sua presença. Falou-se um bocadinho dela e para ela, trouxeram-se flores, cantou-se e bateram-se palmas, pois nenhuma das pessoas que ali acorreu acredita que a Leonor não estejas VIVA, muito embora saibamos que vive numa outra dimensão que a FÉ cristã suporta, fortalece e trás serenidade e esperança à dor e ao vazio que a sua partida em todos deixou, sobretudo nos seus pais e demais familiares.

E a verdade é que “enquanto nos recordam continuamos vivos”. E a prova disso foi este singelo mas sentido encontro que ocorreu um mês após a partida da pequena Leonor.

José Cerca

 Publicado no semanário “Discurso Directo” nº320 de 12 de setembro 2014

Anterior:

Seguinte: